Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Queijadinha - Haras do Morro

Neusely - Haras Figueira do Lago

Menina Veneno - Haras Figueira do Lago

Pepsi-Queen - Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Atafona Beach - Coudelaria Atafona

Mais Que Bonita - Stud Eternamente Rio

Kasablanca - Stud H & R

Madison - Haras Figueira do Lago

Dracarys - Ronaldo Cramer Moraes Veiga

New Look - Haras Figueira do Lago

Queen Of Rio - Haras Clark Leite

Marlin Azul - Haras Figueira do Lago

Zyklus - Stud Cajuli

Mstraubarry - Stud Verde

Kassie’s Angel - Stud Eternamento Rio

Neusely - Haras Figueira do Lago

Gioia Bianca - Stud Wall Street

Gone Hollywood - Stud Verde

Principe Daniel - Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Lisboeta - Haras Figueira do Lago

Madison - Haras Figueira do Lago

Northern Bold - Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Zyklus - Stud Cajuli

Maclaren - Stud Wall Street

Guaruman - Haras Planície

Queen Of Rio - Haras Clark Leite

Haagen - Stud Ilse

Neno Maia - Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Mate Quente - Haras Figueira do Lago

Ba Victoria - Stud Happy Again






Bastidores da Gávea, por Leandro Mancuso [21/02/2020]

Vagner Borges foi convidado para montar em Hong Kong.

O excelente jóquei Vagner Borges, vencedor de estatísticas na Gávea, recebeu convite do hipódromo asiático nessa temporada, do dia 14 de marçoa 30 de maio. Provavelmente o piloto deverá ir após a segunda prova da tríplice coroa.

O treinador J. A. Lopes, popular Biduca, inscreverá também Aeromani no clássico Coaraze (L.-2400mG), além do cavalo Joe Gold.

Agassi já está no CT Vale do Marmelo após o merecido descanso e deverá retornar às pistas em abril. Já George Washington, que também teve um merecido descanso após o GP Pellegrini é outro que já está no CT voltando às atividades.

Foi concluída a exportação de Royal Ship,o animal invicto em pista de grama deverá ir para os Estados Unidos aos cuidados de Richard Mandella. O agente da negociação foi Jonh Fulton e o comprador foi Fox Hill Farm , o mesmo que comprou Bal a Bali e Jolie Olimpica (está correrá prova de grupo na milha em Santa Anita neste sábado) .

A segunda prova da tríplice coroa de potros, O GP Francisco Eduardo de Paula Machado (G1-2000mG), poderá ter um grande número de inscritos. 

Confirmado os paulistas no GP Latinoamericano, são eles: Não Da Mais (C. Lavor) e Eron do Jaguaretê (J. Ricardo).

Além de Pimper’s Paradise representante do turfe carioca, que terá a direção do jóquei contratado W. S. Cardoso.

A égua Lepate Goose irá correr a Longines Cup (1600mG), no meeting do latino que será realizado em San Isidro (ARG). 

O cavalo Guaruça do Stud Big Felling, reaparece após descanso no modelar haras Santa Rita da Serra. O cavalo está muito bem preparado pelo treinador J. Borges e pegou páreo bem acessível para seu retorno. Com certeza brigará pelas primeiras colocações.

Neste domingo destaque para o Clássico Orsenigo (L.-1000mG), onde a favorita Nice Lady poderá continuar sua seqüência de vitórias no quilômetro.

O animal American Tiz (Mauricio Roriz dos Santos), mudou de treinador e agora é treinado por Leonardo Reis. O cavalo em breve deverá voltar às pistas.

O treinador Bruno Alexandre venceu sua primeira corrida em Cidade Jardim, com supervisão de V. S. Lopes, com a égua Shanghai Rubby pertencente ao Black Opal Stud. Bruno aproveitou para informar que Céu de Brigadeiro deverá retornar em março, em 1600 metros na grama. 

E o cavalo Olympic Hollywood que está aos seus cuidados irá correr o Clássico Coaraze (L.-2400mG).

Impressionante foi à corrida da potranca Que Precoce, que entrou terceiro na Prova Especial No Regrets. A potranca do Stud Correas treinada por Renan Marques, irá retornar direto no Clássico Ministério da Agricultura (L.1300mG). Pela excelente demonstração tem tudo para melhorar com o aumento da distancia.

IT’s Well deu um show na PE Old Master. O treinador Leo Cury por incrível que pareça nunca havia treinado um filho de Put It Back, em toda sua vitoriosa história como treinador. Léo está muito contente e confidenciou: "Treinar um potro promissor e de futuro dá uma motivação a mais e uma esperança de ganhar provasgraduadas". 

Os reprodutores Verrazano e Can The Man estão sendo nominados na Breeder’s Cup pelos seus respectivos condomínios de proprietários.

Takashi do Stud Forza 3, de criação do Haras Santarém, conquistou sua quinta vitória consecutiva em Cidade Jardim, seguindo invicto. O cavalo é treinado por A. F. Correa e corre de verdade.

A égua Queen Of Rio, Haras Clark Leite, irá correr a segunda prova da tríplice coroa. Ela tem mostrado evolução vindo de duas vitórias consecutivas e seu piloto será C G Netto. O experiente treinador J F Reis está muito esperançoso numa ótima apresentação de sua pensionista que vem melhorando a cada dia. 

A égua Hang Loose e Good Father do Stud By Winners, treinados por Leonardo Reis, estão confirmados na segunda prova da tríplice coroa. O potro alazão terá a direção de C G Netto . 

D.Guignoni irá com 3 animais nos 2400 da taça quati semana que vem, são eles: Garbo, Keith e Rei do Caviar. 

Essa escriba deseja um ótimo carnaval aos leitores desta coluna . 



Vencedores da semana no Hipódromo da Gávea [19/02/2020]

Nesta semana foram realizados 33 páreos para o Hipódromo da Gávea, divididos em quatro reuniões, sendo nove provas no domingo (16) e oito, tanto no sábado (15), quanto na segunda-feira (17), quanto na terça-feira (18). As maiores atrações ficaram por conta de duas Provas Especiais, reservadas para potros e potrancas de 2 anos, uma no sábado e outra no domingo:

- Prova Especial Old Master disputada em 1.000 metros, grama pesada, que marcou o êxito de IT’S WELL (A.Correia – L.Cury – Stud Menegotto) em 57s87.

- Prova Especial No Regrets, também em 1.000 metros, grama pesada, com a vitória de NEUSELY (V.Borges – D.Guignoni – Stud Globo), que passou a distância em 58s85.

DESTAQUES ENTRE OS PROFISSIONAIS

O experiente Alexandre Correia e o líder Bruno Queiroz venceram quatro páreos e foram os melhores entre os pilotos que atuam no Rio de Janeiro.

Somando 29 conquistas, o eficiente Alexandre Correia teve semana das melhores passando na frente quatro vezes: It’s Well (Stud Menegotto), Vranken (Stud Az de Copas), Don Itá (Stud Raia 03) e Traição de Birigui (Omar Tarik de Medeiros Vargens). O popular “Tampinha”, que tem se dedicado bastante aos treinos e a manutenção do seu peso, mostra a cada dia que só precisa de mais oportunidades. 

Com 131 pontos e solidificando-se na liderança, o talentoso Bruno venceu com: Flor de Anis (Fernando Antonio Fontes Monteiro), Big White (Stud Acqua Azul), Energetic (Stud Taville) e Lord Hill (Haras Monte Carlo).

F.Chaves e o aprendiz J.Lemos montaram três primeiros colocados. L.Henrique, M.Gonçalves, V.Borges, V.Gil, W.Blandi, W.S.Cardoso e W.Xavier foram duas vezes, cada um ao winners circle. A.M.Souza, C.Lavor, H.Fernandes, L.Chimenes e M.Bruno ganharam uma carreira.

Dulcino Guignoni e Fabricio Borges prepararam quatro vencedores e destacaram-se entre os treinadores.

Vice-líder, Guignoni chegou a 70 êxitos na Temporada 2019/2020 e brilhou com: Vranken (Stud Az de Copas), Menina Veneno e Neuselly (ambas do Haras Figueira do Lago) e Hamdilly (Stud Embalagem).

Na sexta posição, com 28 êxitos Fabricio Borges conquistou quatro triunfos com: History Buff (Stud Versiani), Queijadinha (Haras do Morro), Helvetia (Haras Santa Rita da Serra) e Bold Kin (Stud Daltex).

Ad.Menegolo, J.Borges, L.Cury, L.Esteves e L.F.Fernandes comemoraram duas vezes. Com uma vitória: A.Damasceno, A.Jesus, C.Resende, I.C.Souza, J.B.Nogueira, L.J.Reis, M.Aurélio, M.Chaves, M.Ferreira, N.R.Santos, R.Marques, R.Morgado Jr., R.Solanés, R.S.Silva e V.Gomes

Por Maria Teresa Morgado



Páreo Corrido, por Paulo Gama [18/02/2020]

VIAGEM NO TEMPO SENTADO NO BANCO DO PRADO CARIOCA

Às segundas-feiras são bastantes agitadas para os agentes de montarias. É um dia decisivo, onde os compromissos são assinados, para os páreos do próximo final de semana. Tenho o hábito de chegar cedo ao Hipódromo da Gávea. Alguns treinadores gostam de fazer as inscrições na Sala da Repesagem, e a maioria deles, no contato pessoal, fica mais receptivo, para oferecer alguma montaria que ainda não possui um determinado piloto definido. O Braga é um funcionário bastante solícito, competente e atencioso. Se você precisa de alguma coisa, que pode ser papeletas de montaria, ou projeto de inscrições para a semana, ou até mesmo para o próximo mês, ele de imediato resolve a parada. Mais tarde, com o Henrique, é a mesma coisa.

Os treinadores presentes no local pela manhã são Álvaro Castilho, José Ferreira Reis, o “Reizinho”, Júlio César Sampaio, Cesar Gustavo Neto, Luís Felipe Fernandes e Cristina Resende, entre outros. O professor Marcelo Cardoso, as vezes passa por ali, acompanhado de algum aluno ou aprendiz, para mostrar os filmes das carreiras, na sala da Comissão de Corridas. Depois vem a turma do penetrômetro, com a valiosa medida da raia, que decide qual será a pista do programa. No meio deste ambiente de gente ocupada, se cuida da limpeza, dos jardins, dos vestiários, da sauna, dos coletes dos jóqueis, da lavagem das mantas, enfim de toda infraestrutura gigantesca do hipódromo. É o aquecimento para o ponto alto do show, que são as corridas.

Depois deste primeiro contato com os treinadores, a gente vai para o telefone falar com os retardatários, os profissionais que só passam as montarias antes das 10h, prazo final para fazer as inscrições na Secretaria da Comissão de Corridas. Olhei para o banco redondo, que fica em volta da árvore, perto da roleta de entrada, junto ao estacionamento, e me sentei para fazer as ligações. Outrora, ali ficava o Bar do Padoque, e, mais recentemente o Bar Palafita, que encerrou as atividades. Os matinais fervilhavam nos áureos tempos. Os cavalos vinham pelo caminho do prado para se exercitar naquela época. Hoje, treinadores de jóqueis ficam no Bombril, raia auxiliar. E este aprazível local virou um lugar deserto.

Tudo mudou. Aquele lugar, há alguns anos ficava lotado de profissionais, proprietários e caçadores de barbadas. Todos madrugavam para tomar o primeiro cafezinho, para desvendar os mistérios dos resultados das corridas, para comentar os exercícios e aprontos realizados pelos puros-sangues, minutos atrás. Agora, ali sentado, olhei para o balcão do bar desativado. Estava vazio.  Nenhuma viva alma. Aquelas discussões acaloradas e todo aquele alarido só existiam e ecoavam nas minhas memórias do passado. Nenhuma viva alma. Apenas este veterano e os seus devaneios. Sentado no banco, solitário, mas acompanhado por fantasmas do passado. Os momentos mágicos se foram. As pessoas e os personagens incríveis, também. Os cavalos extraordinários, cumpriram a sua missão e desencarnaram.

Naquele banco, agora enferrujado, descolorado, torto, e sem qualquer tipo de preocupação de se restaurar, já haviam se sentado grande estrelas do turfe. Alguns apenas para bater um papo. Outros para trocar informações de cocheira. Alguns para dar entrevistas aos jornalistas especializados. Todos os principais jornais cariocas tinham uma página diária sobre turfe nas décadas de 60, 70 e 80. Naquele banco quase destruído, desconfortável, me lembrei de Heitor de Lima e Silva, o “Bolonha” e do professor, Sérgio Resende, ambos estudando o programa antes de ir para as rádios fazer o tão esperado programa matinal. Lembrei das entrevistas com Juvenal Machado da Silva, para o Jornal do Brasil. Do aprendizado com o jornalista Gil Moniz Viana, “O reloginho de Ouro”, cronometrista genial, do jornal, “A Última Hora”. Da parceria com o saudoso Dalto Duarte, de quem fui agente de montarias, logo depois que Jorge Ricardo se transferiu para o turfe argentino.

Naquele banco, em volta da árvore, se sentaram Luís Rigoni, Antônio Ricardo, Ernani de Freitas, e tantos outros monstros sagrados do turfe brasileiro. Bons tempos, em que este banco redondo, em volta da árvore, abrigava esperanças, conflitos, lucros, perdas e tantas paixões de gerações incontáveis de pessoas que amavam com absoluta intensidade este esporte maravilhoso que é o turfe. Este banco redondo, em volta da árvore, tinha um hipódromo lotado, como pano de fundo. Agora, o prado fica deserto nos dias de corridas. As arquibancadas, de arquitetura francesa, com aquela gritaria da multidão nas grandes joqueadas, era a paisagem admirada por quem estava sentado neste banco. O jardim Botânico, o Corcovado, o Horto Florestal, a Pedra da Gávea, a Pedra Bonita e tanta belezura. Para onde foram todos? Como resgatar os bons tempos? Como evitar o pior? A minha sugestão é começar a ressureição por este banquinho singelo. Ele está corroído pela maresia, quase invisível, abandonado, torto, carcomido. Apenas uma pequena e insignificante circunferência, em volta da árvore. Mas pode ser visto e notado. Logo depois que o turfista estaciona o seu carro, passa pela roleta e entra neste templo imortal que é o majestoso Hipódromo da Gávea.

PURO-SANGUE MELHOR APRESENTADO

It’s Well, do Stud Menegotto, fez estreia de luxo na Prova Especial Old Master, com preparo caprichado do treinador Leopoldo Cury, professor, veterinário e profissional dos mais competentes. Dotado de velocidade espantosa, o filho de Put It Back e All Is Well, por Signal Tap foi acionado na largada, por Alexandre Correia, e parecia estar decolando da pista de algum aeroporto. Exibição de gala, num cartão de visita com precocidade, ligeireza e classe. Vale a pena ficar de olho neste potro.

JOQUEADA DA SEMANA

Vagner Borges, a cada dia mais amadurecido na profissão de jóquei, esteve impecável no dorso de Neusely, do Haras Figueira do Lago, na Prova Especial No Regrets, para potrancas da nova geração. Apresentação de classe do veterano Dulcino Guignoni. Confiante na categoria de sua pilotada, Vagner Borges não se incomodou com o seu favoritismo na pedra de apostas. Conduziu a filha de Al Arab e Bernaise como ela gosta, na expectativa para atropelar. Conseguiu percurso limpo e dominou a prova com absoluta tranquilidade. Tudo de maneira simples e sem transtornos como manda o manual dos bons jóqueis.

PERSONAGEM

A cada dia que passa, o aprendiz Juan lemos tem amadurecido da profissão. E na corrida noturna de segunda-feira, na Gávea, exibiu lucidez, rigor e frieza para obter três vitórias consistentes com Lovemetender, do Stud Mo Bay, Bárbara Mel, do Stud Tieppo Borges e Regal Aurora, de Leonardo Ruas de Oliveira, bem apresentados por seus respectivos treinadores, Noé Roberto Santos, o “Boza”, Jairo Borges e Cristina Resende. O garoto veio de Cidade Jardim precedido de boas indicações e, aos poucos confirma as expectativas, sob a batuta do agente de montarias, Leandro Mancuso.

CARLOS LAVOR NA ARGENTINA

Carlos Geovani Lavor viaja amanhã para a Argentina, onde realizará um exercício de distância no craque Não Dá Mais, do Haras Phillipson, para o Clássico Latino-americano de Jockeys Clubs, que será disputado em março, no Hipódromo de San Isidro. O ganhador do Grande Prêmio Carlos Pellegrini se adaptou bem ao prado portenho, se encontra em ótima forma atlética e os especialistas locais o consideram um dos nomes mais fortes da prova. Afinal, agora ele teve tempo para se aclimatar. Quando ganhou o Pelegrini fez longa viagem antes de competir, e venceu, apesar de tudo, por corre de verdade.

VAGNER BORGES LIBERADO PARA HONG KONG

Vagner Borges já tem em mãos o documento de liberação para se radicar no turfe de Hong Kong, onde fez experiência no ano passado. O piloto, que atravessa ótima fase no turfe carioca, admite ainda não ter decidido se aproveita a oportunidade, ou se continua no Brasil. Segundo ele, vários fatores vão influenciar na sua opção. Existe o desejo de montar fora do país e conhecer novos horizontes. Por outro lado, a diferença de cultura, a família e os consagrados proprietários para quem monta no turfe brasileiro, o fazem ainda não estar convicto da melhor decisão.

RICARDINHO VEM MONTAR NORGAARD

O treinador Cosme Morgado Neto confirmou que Jorge Ricardo deverá ser o jóquei de Norgaard, do Stud Red Rafa, no Grande Prêmio Francisco Eduardo de Paula Machado, 2ª prova da tríplice-coroa de produtos, no dia 8 de março, na Gávea. Mais uma vez o jóquei contratado, Carlos Lavor, tem compromisso com o Stud Quintella, para conduzir Bávaro Beach, que será inscrito no mesmo páreo. Norgaard foi terceiro colocado no Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro, dominado por Royal Ship, craque do Stud Happy Again. 







Outras notícias:

[21/02/2020 - 13h26min] - Bianca Light (Billion Dollar) assume a liderança

[21/02/2020 - 09h52min] - Altair Domingos vence clássico em La Plata

[21/02/2020 - 09h51min] - Recife: Corridas após o carnaval.

[20/02/2020 - 19h21min] - Haras Di Cellius ofertará plantel no dia 05 de Março.

[20/02/2020 - 19h20min] - Leilão Di Cellius apresentará 2 raridades.

[20/02/2020 - 09h17min] - Cristal: comentários e indicações – quinta–feira, por Airton Barnasque

[20/02/2020 - 09h15min] - Turfista brasileiro deve brincar Carnaval na Argentina

[20/02/2020 - 09h13min] - Altair Domingos também deixa a sua marca

[20/02/2020 - 09h12min] - Ricardinho confirmado na semana da tríplice–coroa

[19/02/2020 - 09h21min] - José Aparecido vence em La Plata com Stone Bright

[19/02/2020 - 09h18min] - Terça–feira, com oito páreos, teve maior MGA da semana

[18/02/2020 - 15h13min] - Gávea: indicações, terça–feira, por Jorge Olympio

[18/02/2020 - 13h21min] - Gávea: comentários e indicações – terça–feira, por Julio Ponte

[18/02/2020 - 09h06min] - Noticias do Leilão Alves Teixeira

[18/02/2020 - 09h05min] - Estatística de jóqueis da Argentina atualizada

[17/02/2020 - 17h36min] - Gávea: indicações, segunda–feira, por Jorge Olympio

[17/02/2020 - 13h17min] - Gávea: comentários e indicações – segunda–feira, por Julio Ponte

[17/02/2020 - 08h49min] - Neusely mantém liderança da geração de potrancas

[17/02/2020 - 08h47min] - Francisco Leandro amplia vantagem na liderança

[17/02/2020 - 08h33min] - Panorama de Cidade Jardim

[16/02/2020 - 13h37min] - Gávea: indicações, domingo, por Jorge Olympio

[16/02/2020 - 11h45min] - Gávea: comentários e indicações – domingo, por Julio Ponte

[16/02/2020 - 09h34min] - No ar, o pré–lance (premiado) Alves Teixeira

[16/02/2020 - 09h33min] - It’s Well deu um passeio na Prova Especial Old Master

[16/02/2020 - 09h31min] - Brian Enrique se aproxima de Francisco Leandro





GP José Buarque de Macedo (GIII) - Gávea - 13/01/2020



GP Roger Guedon (GIII) - Gávea - 13/01/2020



Grande Premio Henrique Possolo (G1) - Gávea - 09/02/2020



Grande Premio Estado do Rio de Janeiro (G1) - Gávea - 09/02/2020









12.984

12.844



















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras Figueira do Lago

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Cezzane

Stud Embalagem

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud H & R

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street
  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês