Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Ombak Bagusse – Haras Clark Leite

Natural Champion – Coudelaria Jessica

Jorge Cassas – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Bebê Francês – Stud Ilse

Kurdish – Stud Capitão

Mem Cade Ce – Stud Verde

Muguruza Bunny – Haras do Morro

Danger Love – Stud Palura

Verso e Prosa – Stud Ilse

Johnny Blue – Stud Elle et Moi

Hammana – Stud Verde

Bebe Belo Brummel – Stud Ilse

Mac Bol – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Hunter – Stud Everest

Natural Champion – Coudelaria Jéssica

Joka Tango – Stud Lagoa 26

Mem Cade Ce – Stud Verde

Gladiador Acteon – Stud HRN

Furacão – Stud Ilse

Maestro da Serra – Stud Cajuli

Jorge Cassas – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Ghoul – Stud Verde

Energia Istambul – Stud Ilse

Madame Renata – Stud Palura

Luigi Bros – Haras do Morro

Over–Mint – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Ghoul – Stud Verde

Mem Cade Ce – Stud Verde

Gladiador Acteon – Stud HRN

Joka Tango – Stud Lagoa 26








Neste espaço são publicadas as manifestações dos nossos leitores.

O RAIA LEVE acolhe opiniões sobre todos os temas ligados ao turfe.
Reserva–se, no entanto, o direito de rejeitar ofensas, acusações insultuosas e/ou desacompanhadas de documentação. Eventualmente, os e–mails poderão ser checados. O site não tem o compromisso de publicar todas as mensagens recebidas. A publicação, quando ocorrer, se dará na íntegra ou parcialmente, privilegiando–se os trechos mais relevantes.

O Raia Leve, depois de pedidos de leitores e deliberação da diretoria da ACPCPSI decide que além da checagem de CPFs e identidade virtual costumeiramente feitas, só publicará mensagens de internautas que respondam e–mail confirmando a identidade. Desta forma, a editoria do site pede aos internautas que respondam e–mail da associação com a máxima rapidez possível quando solicitados a fim de ter a liberação de seu comentário, bem como assegurem–se que o e–mail raialeve@raialeve.com.br esteja definido como um endereço que não seja encaminhado para a caixa de Spam.





Novembro | 2018

José Tito de Aguiar (18/11/2018) - São Bernardo do Campo/SP

Sr. José Antônio de Barros, concordo com o Sr. que houve prejuízo mas a meu ver o motivo foi o cavalo sem jóquei que correu para dentro contra o cavalo do E Ferreira que não teve culpa alguma do ocorrido.

Respeito a sua opinião mas discordo dela para mim a confirmação foi correta.

Hiran Cesar Roque Gomes (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Boa tarde de corridas a todos! 

Dirigindo-me respeitosamente, aos que fizeram colocações sobre o meu comentário, faço constar que sei da ligação familiar do Sr. Fernado Cury com o treinador Léo Cury, e também imagino que pela competência do treinador em questão, o mesmo possa ser do "RAMO". Sendo que meu comentário é focado na questão ética, o mesmo se colocando como participante da equipe vitoriosa, visto que fez a colocação no plural, seria o mesmo que o Galvão Bueno estar narrando uma partida de futebol entre FLAMENGO X CORINTHIANS, e se dizer membro da diretoria de algum dos clubes, será que a direção da emissora, patrocinadores, e principalmente o público alvo iria ficar feliz? Por isso volto a dizer, falta direção as transmissões. E quando não se tem, todos falam o querem e bem entendem, sem se preocupar com o público alvo, no caso nós apostadores.

Francisco Rodrigues (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Sr Hiran, o cavalo favorito do pareo FIEL DEPOSITÁRIO era sabidamente uma corrida que talvez o animal nao repetiria a sua última performance, todos sabiam que o animal tinha disparado na matinal e nao estava aceitando a ração por isso seus 12kilos a menos. 

Espero ter ajudado.

Jose Antonio Barros (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Vergonhosa a confirmação do resultado do 9º Páreo de ontem, se aquilo não é prejuizo para a comissão, o que será então, deve ser derrubar e passar por cima, vergonha, Los Panchos poderia até ter ganho o páreo, acho que alguem jogou a exata 9-5 e se não jogaram estavam com pressa para ir embora, vergonhaaa...

Ricardo Martins (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Parabéns Raia Leve!

Julio Ponte sobrando na turma nas indicações!

E a PMU insiste em divulgar indicações de Lopes, Cury, Guedes e Juliana! Coitado do turfista que não tem como ler o Raia Leve!

abraços

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado José Francisco Pereira Sousa, como no seu comentário o senhor citou o referido narrador, dizendo ser normal ele emitir opinião já que ele é do ramo, porque então ele não emitiu uma opinião, sobre o que se passou no 2° páreo de terça feira, onde os 3 favoritos largaram a pau e corda, sabendo eles que não chegariam no final? Acho que qq turfista acharia bem vindo escutar a opinião daqueles que são "do ramo"..

abraços

José Francisco Pereira Sousa (18/11/2018) - Porto Alegre/RS

Sr.Hiran, é compreensível que o ótimo locutor F.Cury emita opiniões mais técnicas sobre as corridas e cavalos pois ele é filho do treinador Leopoldo Cury, logo ele é do ramo.

Hiran Cesar Roque Gomes (18/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Como sempre, os participantes das narrações de corrida da gávea, nos brindando com suas pérolas, e também fazendo o TURFISTA DE PALHAÇO, hoje nosso locutor FERNANDO CURY, durante o alinhamento do 7º páreo, divagando sobre cavalos que correm na ponta ou contidos, explicou o trabalho, que segundo ele mesmo disse ( ajudou a fazer) , para que o cavalo OVER MINT corresse contido e ganhasse um páreo na corrida de terça-feira. Verifica-se que falta direção nas transmissões, os participantes deixam a ética de lado, com naturalidade, e acham absolutamente normal. Ainda que não sejam, os profissionais que atuam em determinadas áreas, devem aparentar isenção, e penso que o narra dor das carreiras, deveria tomar esse cuidado. E pra finalizar faço constar que não havia visto a carreira, e não apostei no referido páreo.

Antonio José Pais de Moura (17/11/2018) - Niterói/RJ

 

COM O TURFE NO CORAÇÃO E NA ALMA

Entro exclusivamente para parabenizar o cronista Paulo Gama pela Página de Rosto do Raia Leve de hoje.

Brilhante como sempre, incisivo como nunca, Paulo Gama terá escrito, a meu modesto ver, uma das mais importantes páginas da sua profícua e já extensa carreira de jornalista de Turfe; para quem é do ramo - dá gosto ler!

A sobrevivência da atividade, nestes atuais e bicudos tempos, depende, em ponderável parte, da excelência do pensamento e ação de profissionais que, como Paulo, portem o Turfe no coração e na alma. De dirigentes também!

Que a luta continue...

Antonio Pais de Moura

José Francisco Pereira Sousa (16/11/2018) - Porto Alegre/RS

Desculpe,sr. Miguel Leão, mas quem faz juz ao apelido de TRATOR PERNAMBUCANO não é o glorioso L.Henrique(o maior torrador de favoritos dos últimos anos- estou fazendo um levantamento para provar isso) e sim o jóquei FRANCISCO CHAVES, Um LEÃO correndo na frente com um cavalo. Abraços a todos.

José Francisco Pereira Sousa (16/11/2018) - Porto Alegre/RS

Alguém poderia me informar se é permitido um potro de três anos correr medicado com anti-inflamatório e diurético? Pois hoje no quarto pareo do Cristal o animal n.1 OBINOPHONE potro de 3 anos conforme o programa correrá com esse tipo de medicação.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (14/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Como já li aqui nesse espaço várias vezes que o Sr. Fernando Cury é um ótimo narrador, sou obrigado a concordar, por isso o mesmo deveria ficar apenas nas narrações, deixando as indicações para os que sabem comentar, nesse primeiro páreo de terça feira, ele fez alusão a égua Get It, dizzendo não só uma vez mas várias vezes que o rateio da mesma era absurdo, corrido o páreo esse egua chegou na ULTIMA COLOCAÇÂO, e ele nem sequer tocou no assunto. Deveria continuar apenas nas narrações, mas pedir isso num ambiente de pouco profissionalismo nem vale a pena.

ps: Boa sorte ao M.S.Machado em sua nova empreitada.

José Tito de Aguiar (12/11/2018) - São Bernardo do Campo/SP

É Sr. Luiz Sérgio, confesso que fiquei na dúvida entre jogar ou não pois se o cavalo estivesse dopado acho que o teriam retirado ou não o deixaram figurar no placar.

Vamos aguardar o resultado do laboratório mas que foi lamentável o que fizeram foi.

Não entendi a presença do treinador na foto da vitória. Ele não estava suspenso? Ou não estava valendo ainda?

João Ciro Oliveira (12/11/2018) - Curitiba/PR

Pergunto estes animais foram liberados p/competir estavam aptos p/correr?

Francisco Rodrigues (12/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

O sr José Francisco, coloca dúvidas infundadas sobre os animais do Araras/Haras Anderson. Posso garantir que suas insinuações nao se sustenta quem conhece o mínimo de GAVEA. 

O que posso dizer e que tinha 2 eguas nesse pareo nao estavam bem, uma trancando as pernas claramente bamba, outra com um lado da anca muito mais baixa.

Espero ter atendido o sr José Francisco. 

José Francisco Pereira Sousa (12/11/2018) - Porto Alegre/RS

E a maracutaia do Araras continua com a complascencia e anuencia do JCB, cavalos do mesmo dono com numeros diferentes, ganhando quase sempre o de maior dividendo. E o Anderson não fica atrás neste quesito, com uma diferença , seus cavalos não ganham...

Luiz Sergio Sposito (11/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Conforme nos informou:

José Tito de Aguiar (10/11/2018) - São Bernardo do Campo/SP

Conforme o SITE de Cidade Jardim, o Sr. D L Albres tirou a chance do cavalo Halston de ser mais um tríplice coroado do turfe Brasileiro e pegou dois anos de suspensão pois além do cavalo citado mais 2 animais correram dopados na mesma reunião.

Ontem o cavalo HALSTON ganhou um G1 será que estava dopado de novo ?

Sidney Morihiro Kanashiro (11/11/2018) - São Paulo/SP

Hoje domingo 11 de novembro em Kioto no Japão nosso Magic Man ganhou gp.1 e mais 4 páreos e no sábado mais dois páreos o primeiro gp.1 do João Moreira no Japão com dotação de aprox. oitocentos mil dólares ao primeiro colocado impressionante parabéns João vc nos enche de orgulho.

Pasqual Evangelista (11/11/2018) - Valinhos/SP

Não tenho jogado mais os 3 últimos páreos e principalmente o último páreo. Os melhores jóqueis se transformam naqueles aprendizes de 4ª categorias que não nasceram para o turfe. Só não vê quem não quer. Mas gosto de ver sempre o resultado do último páreo. Veja alguns rateios de vencedor.

10/11/2018 - R$ 12,30

06/11/2018 - R$ 20,00

05/11/21018 - R$ 21,10

Se tiverem curiosidade vejam quem eram os jóqueis favoritos. Isso acontece um pouco menos nos sábados e domingos. Alguns bons jóqueis vencem como favorito mas outros bons jóqueis desaprendem nesses páreos.

Milton da Silva Nunes Filho (11/11/2018) - Camaquã/RS

Essa PMU do Brasil, tem que dar os parabéns, de tanta INCOMPETÊNCIA ADMINISTRATIVA DE jogos, para acessar e saber os retrospectos das corridas, só terão acesso quem são clientes cadastrados na PMU, E querem os DIRETORES DO JBC, que aumentem as apostas, ai o o apostador tem que lá no link do JOCKEY CLUB DE SÃO PAULO, que tem todos os programas e retrospectos de GRAÇA, Já vi tanta burrice, mas assim, como vai aumentar o movimento de apostas. Ou seja, tu joga comigo ou não joga com ninguém..... em casa de jogo, administrados por PADRES. Sem experiência de alguma coisa de jogos, voltam para o VATICANO, que é o lugar da PMU, só dificulta tudo,,,,, deca dência total do TURFE BRASILEIRO.

José Tito de Aguiar (10/11/2018) - São Bernardo do Campo/SP

Conforme o SITE de Cidade Jardim, o Sr. D L Albres tirou a chance do cavalo Halston de ser mais um tríplice coroado do turfe Brasileiro e pegou dois anos de suspensão pois além do cavalo citado mais 2 animais correram dopados na mesma reunião.

Com estas e outras o turfe Brasileiro segue ladeira abaixo.

Com a palavra o Haras Cifra.

José Francisco Pereira Sousa (10/11/2018) - Porto Alegre/RS

Parabens, sr. Roberto Junior pelo belissimo texto, extensivo ao site raia leve cada vez melhor.!!!! BOAS CORRIDAS A TODOS E MUITA SORTE.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (10/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Parabéns Sr. Roberto Junior, está 100% correto em suas afirmações. Acho que a maioria ali esquece que isso é um jogo que envolve dinheiro e atuam com total falta de profissionalismo. Basta vermos comentaristas de arbitragem na TV, onde ex juizes de futebol falam bem e falam mal de ex colegas de profissão com total liberdade e tenha certeza, se algum ex arbitro falar somente bem, não terá emprego por muito tempo. O que confirma a passividade dos comentaristas da Gávea é quando vemos as corridas estrangeiras, quando os joqueis sofrem na mão dos comentaristas, parecendo até que querem por pra fora tudo aquilo que desejariam falar dos joqueis daqui mas não falam, enfim, esse é o turfe nacional indo de ladeira abaixo.

Roberto Junior (10/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Que o site RAIA LEVE é considerado o melhor e mais completo site do segmento de cavalos de corridas , eu acredito que ninguém tenha a menor duvida

E que o ESPAÇO DO LEITOR é o canal mais democrático que existe aonde todos....."eu disse todos" do meio podem expor suas opiniões......sejam eles os apostadores , jockeys , treinadores , proprietários e imprensa em geral.....também acredito que 100% dos leitores concordam.

Mas não sabia que agora para criticar algo no meio turfistico devemos expor nossas fotos no site , pois caso contrário segundo o senhor J.F.REIS deveria ser proibido.....apenas elogios seriam bem vindos

Aliás no meu caso não teria o maior problema em postar uma foto minha ao lado do meu nome e caso o RAIA LEVE introduza essa ferramenta no site , o senhor pode ter certeza que serei o primeiro a enviar minha foto.

Não é porque o senhor J.F.REIS e seu irmão dão entrevistas , os apostadores devem aceitar passivamente serem ludibriados

Todo e qualquer apostador e leitor do RAIA LEVE tem o dever e livre arbítrio de vir aqui em um espaço democrático reclamar de quaisquer assuntos relacionado a atividade turfistica

E agora só me faltava essa agora , porque não tem nossa foto postada aqui então não podemos criticar......apenas podemos postar elogios e amenidades.....aí sim todos ficarão satisfeitos rindo á toa não é mesmo ? 

Eu não sei se o senhor sabe mas quem paga os seus salarios e de todos os treinadores e jockeys somos nós......sim somos nós apostadores que despejamos rios de dinheiros nas 4 reuniões semanais......e com esse dinheiro é que o jockey paga os prêmios dos jockeys , treinadores e proprietários

Então nada mais justo que os apostadores leitores do RAIA LEVE possam vir a esse canal reclamar caso sinta-se desconfortável com determinada conduta dos profissionais que trabalham no jockey

E ultimamente o que mais leio por aqui são reclamações tanto aos treinadores como aos jockeys e principalmente aos comentaristas que omitem informações e opiniões dos páreos corridos , pois não querem se expor e indispor com qualquer jockey ou treinador da gávea

Acho deselegante mesmo um treinador dizer que quase nunca entra aqui no RAIA LEVE e que não lê nada do que se escreve nesse espaço e ficar 3 minutos na tv reclamando de um simples comentário de um apostador.....apostador esse que ajuda a pagar seus salários.....

Se importa sim.....lê sim.....todos entram aqui diversas vezes ao mês pois esse é o canal mais importante do turfe no momento e fazer pouco caso desse canal para um amante do turfe , não convence a ninguém

Na verdade eu prefiro sempre elogiar do que criticar e se pegarem meus depoimentos antigos dos outros meses e ano passado vão ver varios elogios meus.....

Já elogiei muito a comissão de corridas em épocas passadas , remando contra a maré por aqui.....mas hoje já não elogio mais 

Já elogiei diversas vezes o locutor Fernando Cury nesse canal ao qual considero o maior e melhor locutor que esse jockey já teve ao lado do saudoso Ernani Pires Ferreira

Inclusive acho válido os palpites e comentários que ele dá e faz antes dos páreos.....acho sim que ele deve comentar o que desejar antes dos páreos e quem não gosta que simplesmente ignore tais palpites......sou a favor da liberdade de imprensa irrestrita

Aliás para aqueles que reclamam , o Ernani Pires Ferreira adorava dar palpites e inclusive aparecia no GLOBO ESPORTE toda semana para dar suas barbadinhas e fazia diversas brincadeiras e ninguém reclamava de nada.....muito pelo contrario.....fazia o maior sucesso com sua irreverência e bom humor

Agora o que não posso aceitar é um treinador ganhar no inicio da reunião 2 páreos com pules de mais de 7 por 1 sendo uma delas com varios corpos de vantagem e logo no páreo seguinte , resolve dar entrevistas dizendo que estava confiante na vitória e acreditava que ganhava mais uma

Sendo que o cavalo nunca esteve no páreo e chegou em um sofrível 7º lugar

E isso é só um exemplo......se puxar pela memória iria postar vários exemplos mas acredito que não há necessidade disso....

Quanto ao "silêncio" que citei na ocasião não é para censurar quem quer que seja pois vou sempre ao contrário de tal conduta....

Apenas mencionei que se não for para ajudar realmente o apostador com informações precisas que declinem de dar depoimentos em um determinado páreo

Porque não escolheu para falar o páreo anterior em que ganhou fácil por varios corpos ?

Já que gosta tanto de ajudar os turfistas que pagam seu salário ?

Já é dificil acertar nas corridas e ser "derrubado" com informações imprecisas , definitivamente disso é o que menos precisamos....

E para encerrar eu queria deixar registrado aqui o quanto ficaram felizes o senhor Celson Afonso e a senhora Juliana Dias com as declarações do senhor J.F.REIS que reclamou de um simples apostador que "paga seus salarios" das criticas construtivas que explanei aqui nesse excelente canal

Eles são os comentaristas que mais recebem criticas por suas omissões após os páreos em relatar a verdade dos fatos de uma corrida , pois "criticas" aos jockeys e treinadores são ações abolidas que jamais vão praticar infelizmente

Aliás lamento que a Sra. Juliana Dias não tenha vindo a publico se desculpar pelo ocorrido em um páreo em que o aúdio foi vazado da cabine de transmissão , após a vitória do Luiz Henrique que disputava com o V.Borges a liderança da estatistica e escutamos gritos ensurdecedores de comemoração....

A cabine estava repleta de pessoas não autorizadas e que deram gritos estridentes vazados mostrando uma total falta de profissionalismo

Aliás após esse fatidico dia , varios leitores do RAIA LEVE postaram suas criticas e até hoje estamos esperando no minimo um pedido de desculpas por parte da Sra. Juliana Dias pela falta de profissionalismo.....

É pedir muito ?

Pasqual Evangelista (10/11/2018) - Valinhos/SP

Pobre TI da PMU Brasil

Falta de criatividade dos analistas da TI da PMU.

Tem problemas de trabalhar com datas. Mantém depois da meia noite a data do dia anterior por conta do fuso horário da Austrália. Por conta disso não libera as apostas do dia seguinte.

Quanta dificuldade para uma solução tão simples. Quem está acostumado a fazer um Quinte de madrugada não pode mais. E o MGA que se dane.

José Francisco Pereira Sousa (09/11/2018) - Porto Alegre/RS

Prezados turfistas, com o intuito de ajudá-los, gostaria de informar que o site do sr.Porfirio de Menezes(www.ofavorito.com.br) tem diariamente os treinos dos cavalos que correm em Cidade Jardim.. Esse tipo de informação faz falta na Gávea para nos ajudar e incentivar a apostar nos páreos.. Boa sorte a todos...

Marco Antonio C.P. Soares (09/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado colega Edino Camolese.

Realmente no livro do nosso Emérito Professor há uma citação à esposa Zaurinha, que era como ele tratava sua querida Isaura. Não tiveram filhos.

Quanto ao Taranto, faleceu em 30/04 desse ano, vítima de um AVC em Miami, onde estava residindo com os filhos.

Espero ter ajudado.

Marco Antônio. m.v.

Antonio Cesar Monteiro (09/11/2018) - Santos/SP

Projeto 2019 !!!

Desde o mês de outubro/18, a equipe de turfe "ACMonteiro", alojada no JCSP que tem como treinador G.J.Santos, (melhor a cada dia) passou a contar com a assistência veterinária de MV. Nathali, e o que nos deixa bastante orgulhosos e animados.

Com competência comprovada na área de fisioterapia e reabilitação pelo sucesso de renomados corredores clássicos (Gol Tricolor, Veraneio, Barão da Serra, Jaspion Silent (GPSP), Kris Five além de muitos outros), Nathalie estará colaborando no desenvolvimento do nosso projeto que visa o treinamento de alta performance para o nosso plantel que em 2019 deverá ser reforçado objetivando conquistas em provas graduadas.

É fato que a medicina esportiva no segmento das corridas de cavalos não para de evoluir e por isso acreditamos que a junção de nossa experiência de campo adquirida há três décadas com a ciência e a tecnologia disponível, poderemos elevar ainda mais os resultados de nossos pupilos a partir do próximo ano.

Estamos felizes em poder usufruir do talento e dedicação da MV. Nathalie. Guardem este nome !!!

Orlando Motta Filho (08/11/2018) - São Paulo/SP

Dr.Edino Camoleze.

Boa tarde,não sei se posso ajudar muito.

Tenho em casa um livro do Dr.Octavio,talvez seu ultimo:’O Cavalo de Corrida-Criação,Medicina e Cirurgia Equinas’.3 edição,Revista e Atualizada de 1.972,O qual comprei em um sebo no centro de SP a uns 7,8 anos. 

Ele dedica o livro a memória de Lineu de Paula Machado e na pagina seguinte a sua esposa,nas seguintes palavras: ’A querida esposa Zaurinha,minha doce e fiel companheira em todas as horas’,devia ser dona Izaura,talvez.

Sei que não é muito,mas ja alguma coisa.

Abraços e boa sorte.

Sergio José Lessa (08/11/2018) - São Gonçalo/RJ

Com relação ao cancelamento da matrícula do joquei M.S.Machado a pedido do mesmo ,motivo vai montar em Dubai

Francisco Rodrigues (08/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Foi revogado ou nao o treinador será suspenso com o animal.

Retirado no alinhamento.

Fernando A.Iaccarino (08/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Em relação ao comentário do Sr Sidney Neves, a respeito da bronca do comentarista do JCB sobre a direção dada a um cavalo, num páreo realizado nos Estados Unidos, e o porque da ausência desse tipo de comentário nas inúmeras más direções realizadas por alguns jóqueis aqui no Rio de Janeiro, acho que além da " mordaça patronal ", aqui, os comentaristas e narradores vivem pedindo barbadas aos jóqueis e treinadores, e , que , raramente repassam ao público apostador. Assim, eles não tem moral para criticar esses profissionais, quando os mesmos cometem erros, muitos deles, intencionais.

Sergio José Lessa (08/11/2018) - São Gonçalo/RJ

Com a forte chuva que caiu e ainda continua no RJ não acredito que mesmo com a nova modalidade do penetrometro com relação a pista ,essa semana dificilmente vai dar grama,podem até estudarem marcações para areia pesada,a não ser que a grama seja sintética e com muito sol.

Antonio José da Silva Pais de Moura (07/11/2018) - Niterói/RJ

A ARTE DE BEM CAVALGAR TODA A SELA

Dúvidas com a extraordinária Joqueta Vitória Mota, cuja demonstração de como se deve correr animais com menor chance aparente, ficou patenteada nos dois últimos páreos da reunião de ontem no Hipódromo da Gávea!

A pergunta que não quer calar é no sentido de satisfazer minha natural curiosidade, eis que rarearam os compromissos de montaria da talentosa profissional ao atingir o topo de sua brilhante carreira como aprendiz.

Já salvei os vídeos dos referidos páreos e tenho certeza que voltarei a eles sempre que jóqueis consagrados consigam a façanha de derrotar a sua própria montaria.

Não preciso nem registrar que sou fã da Vitória Mota...

Antonio Pais de Moura

Edino Camoleze (07/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Prezados Srs.

Necessito, como membro da Academia Brasileira de Medicina Veterinária -ABRAMVET, algumas informações sobre uma Monografia que estou fazendo sobre o Dr. Octave Jules Dupont. 

1 Biografia - Se o Dr. Otávio Dupont era casado, nome da Esposa e filhos (as);

2 Se o Dr. Taranto ainda é vivo e está em atividade no Joquei ?;

At.at - Atenciosamente,

Dr. Edino Camoleze - Cel Méd Vet do EB

Contatos:

tel (24) 33544778/999813553 

Muito Obrigado !

José Francisco Pereira Sousa (07/11/2018) - Porto Alegre/RS

Alo, dona Juliana, desde quando um jóquei dar doze pauladas no animal nos últimos 300 metros é considerado habilidade extra? Eu tinha o cavalo Maraud na minha supertri e não fiquei exultante com essa HABILIDADE EXTRA.!!!

João Orlando Tomczak (07/11/2018) - Curitiba/PR

Dois últimos páreos da gávea na terça-feira dia 6 de novembro;. nem a mae dava; (será que não jogaram)

Estavam no veneno com certeza;

Duas vitórias p/a Vitória Mota .

Eloi de Souza Ferreira (07/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Gostaria por meio desta parabenizar o Jockey Salgadinho pela direção perfeita dada ao animal First Run no 3º Páreo da Gávea. Com essa esse animal teve 05 vitórias com você. Parabéns também aos treinadores Bruno Ulloa, Leléo e Vado pela dedicação de cada um. 

Jacques Eskinazi (06/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Será que quem tinha Maraud cravado na super tri vai reclamar do rigor do Goulart?

José Francisco Pereira Sousa (06/11/2018) - Porto Alegre/RS

E aí? redação do raia leve, qual o motivo da cassação da matricula de M S Machado? Outro assunto: Que horror deverá ser a reunião do dia 17/11 com o festival de jóqueis suspensos.

N.R. Prezado sr. José, o jóquei M.S.Machado esta indo montar no Kuwait.

Carlos Alberto Correa da Costa (06/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Estou curioso para saber o motivo do cancelamento da matrícula do joquei M.S.Machado. Caso alguém saiba,por favor me informe. 

Grato,

Carlos Costa

Ronaldo Menezes de Freitas (06/11/2018) - Belo Horizonte/MG

Aguardo ansiosamente para saber o que se passou com o animal Hopper no último páreo da Gávea de 05/11/2018.

Celso Nogueira Paranhos (06/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Falando a respeito de excesso de chicotadas, me parece que no maximo permitido pelo codigo de corridas e de 15 chicotadas no maximo, acima disso me parece que a comissao de corridas punir qualquer joquei ou aprendiz.

João Orlando Tomczak (06/11/2018) - Curitiba/PR

Último páreo de segunda-feira na gávea.

favoritão número 8 "Hopper, rateio de 2,3 treinador J.Borges.(chegou em 6º.lugar, se escondendo)

Vencedor número 3, rateio de 21.3, treinador J.Borges.

Deve ser mera coincidência. Só que já vi esse filme diversas vezes com esse mesmo treinador.; Só que a comissão de corridas não tem como punir essa malandragem. Que se dane o dinheiro dos turfistas.

Por isso é que o movimento de apostas vai caindo cada vez mais.

Hiran Cesar Roque Gomes (06/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Cumprimentando a todos que frequentam esse espaço.

Gostaria de me dirigir ao Sr. Leandro Mancuso, que emitiu sua opinião, em relação ao comentário feito por mim, em relação a atitude do jóquei A. Goulart na condução da égua FIGEAC (uso imoderado do chicote). 

Após ler com atenção bastante Vossas colocações, creio que seria capaz de me contrapor a algumas delas, sendo que não o farei, devido a forma educada e respeitosa com que expôs suas posições, e ainda, devido a fato de constar em seu texto que "Sobre o uso imoderado do chicote ele está ciente da situação", e diante disso, creio que devamos acreditar que haverá por parte do mesmo um esforço, para que consiga ser enérgico, sem que se maltrate o animal.

E para finalizar, penso que se todas as pessoas que sofressem críticas nesse espaço, fizessem reflexões e buscassem firmar posições da maneira que o Sr o fez, com certeza evoluiríamos em vários aspectos. No mais... desejo sucesso ao Senhor e seus agenciados.

José Francisco Pereira Sousa (05/11/2018) - Porto Alegre/RS

Caros turfistas, observem o que aconteceu neste primeiro páreo da Gávea em relação a atuação do animal Galápagos que na última terça(30/10) ou seja, há uma semana atrás entrou décimo lugar quase caindo na raia ,parecia que estava passando mal após o disco, e no famoso programa oficial consta como ultima atuação a do dia 15/10 quando terminou na quarta colocação . O incrível é a transformação em uma semana desse animal quando perde, hoje, a poucos metros do disco pro cavalo do Rio Iguaçu que sobrava na turma. Aí a pergunta: nobre Comissão de corridas do JCB formada entre outros por três ex-joqueis,qual a manifestação sobre isso?

Sidney Neves (05/11/2018) - Rio De Janeiro/RJ

Impressionante a espinafração do comentarista Diego Guedes em cima do jóquei Maldonado, que perdeu um páreo inacreditável nesse domingo passado. Reunião de 4 de novembro, sétimo páreo, de Santa Anita.

Citou que Maldonado gosta de perder, adora jogar barbadas no ralo ,é um louco e péssimo jóquei. Disse que o profissional montando um favoritão novamente teve a sua diarreia mental, se precipitando na condução, não tendo equilíbrio e habilidade para ganhar um páreo tão fácil.

Parabéns pelo comentarista dizer tudo que o apostador gostaria se dizer. Sem papas na língua! 

Mas gostaria que os comentaristas domésticos tivessem a coragem e a ousadia de Diego Guedes, cada vez que um páreo corrido na Gávea apresente falha na condução de um jóquei. Que seja críticado da mesma maneira! Sem parcialidades!

Fernando A. Iaccarino (05/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Concordo plenamente com a opinião do Sr Carlos Eduardo.Chega a ser irritante a omissão dos comentaristas em relação a fatos ocorridos na raia, mais pior é essa bajulação com elogios, inclusive a alguns personagens do fato citado( Quinexata armada). Há algum tempo o Sr Thiago Guedes disse a respeito de A. Goulart " gente da maior qualidade". Isso para um dos envolvidos na mutreta citada. Qual será o conceito de gente da maior qualidade para esse narrador.

José Almir Luz (05/11/2018) - Curitiba/PR

Só espero que Deus tenha misericórdia desses pobres animais que sofrem nas mãos de pessoas sem sentimento.

Cada um colhe o que planta. A lei do retorno é inexorável.

José Francisco Pereira Sousa (05/11/2018) - Porto Alegre/RS

Logo que o aprendiz B.Queiroz começou a competir fiquei indignado quando no alinhamento ele deu um tremenda chicotada no cavalo que se negava entrar no box e aí pensei: filho de peixe, peixinho é, pois o A.Queiroz se pai, chega a ficar de lado para dar autênticas chibatadas no animal, o A.Gulart faz o mesmo movimento.. Desculpe amigo Mancuso mas defender o A.Gulat nesse quesito, é a mesma coisa que ganhar a qualquer custo. Para mim os cavalos não são apenas um número e sim um protagonista do espetáculo, coadjuvado pelo jóquei e o treinador...

Sérgio André Pessoa (05/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Parece que o A. Gulart está fazendo escola quando o assunto é maltratar o animal.

Estou falando do aprendiz Bruno Queiroz.

No início de sua carreira, estava torcendo quando ganhava as provas e obtendo suas vitórias, porém, depois de algumas atitudes, estou criando uma profunda antipatia.

No ultimo páreo deste Domingo, 04/11, não acreditei quando o vi batendo no animal Magic Bobby depois de cruzado o disco. Para que isso? Deu três chicotadas no animal depois do páreo terminado. Surreal isso!

Em outra ocasião, ele montando um animal do Acqua Azul, que não recordo o nome, voltou da pista batendo no cavalo ao passar por aquele corredor de areia antes de entrar no padoque. Foi o primeiro a voltar da pista, numa pressa que até pensei que fosse reclamar de algo, mas não aconteceu nada. Acredito que descontou no animal a frustração por ter se colocado em quarto lugar e era favorito da prova. Para que isso???

E conversando com um outro turfista no hipódromo, esta pessoa me comentou que tinha a mesma opinião que eu estava tendo. 

Portanto, alguém oriente este garoto, que está em inicio de carreira, a não ir pelo mesmo caminho que o A. Gulart de judiar dos animais. 

E se quiser descontar a raiva em alguém por perder o páreo, desconte em si e não no pobre animal.

Leandro Mancuso (04/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Bom dia !!

Gostaria de defender o jóquei Acedenir Gulart , não só porque sou agente dele ,mas por achar que a crítica em relação à direção da égua Figneac não procede.

A égua pesa mais de 500 kg, é mansa tanto que corre último até a entrada da reta ,e para ganhar a prova teve que exigir a fundo.

Aliás o jóquei está trabalhando direto e focado afim de buscar seu espaço.

Está vencendo a batalha contra o peso (está fazendo até 55/56 kg)

Há propósito, quando um agenciado meu assina uma montaria, seja Acedenir ou aprendiz M Mesquita, sabemos bem a logística que envolve uma montaria ,acordamos às 4:30 da matina, vamos ao matinal faça chuva ou faça sol, afim de buscarmos a vitória.

Pois cavalariço, segundo gerente, treinador, proprietário e até mesmo criador estão juntos na torcida e não somente o apostador.

Sobre o uso imoderado do chicote ele está ciente da situação, porém a maioria dos cavalos que ele monta são mansos e pesados, necessitam de um pouco mais de rigor do que o normal.

José Francisco Pereira Sousa (03/11/2018) - Porto Alegre/RS

Tem razão sr.Marco Antônio Soares, desculpe a minha distração, misturada com insensibilidade. Por outro lado as corridas internacionais desta sexta com o festival de Churchill Dows, Aqueduct e Gulfstream estavam sensacionais. Isso que eu só jogo,normalmente as corridas nacionais... Boa noite a todos.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (03/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado Fernando A.Iaccarino, concordo com o que vc disse sobre a mordaça, o estranho é, caso esses comentaristas sejam jornalistas formados, isso seria vergonhoso, pois eles tem a obrigação de informar, ainda mais quando se trata de um jogo que envolve dinheiro. Mas vamos dizer que haja mesmo essa proibição, já que não podem dizer o que realmente acontece, pq então também não param com aqueles elogios sem fim, uma verdadeira puxação de saco, em joqueis e treinadores, não podemos nos esquecer que a alguns anos atrás 5 joqueis fizeram um conluio para ganharem uma quinexata acumulada (tanto foi verdade que a própria comissão su spendeu os 5 por 2 anos) então acho que deveriam parar com elogios, pq esse mundo perfeito que eles acham que é o JCB, todo mundo sabe que não é.

abs a todos

Marco Antonio Soares (01/11/2018) - Rio de Janeiro/RJ

Sr: Jose Francisco Pereira Sousa,

Em respeito ao dia de finados, os clubes hípicos não abrem as pistas nem para trabalho.

Espero ter colaborado com a sua dúvida.

Marco Antonio










12.932

12.844

















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud H & R

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street
  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês