Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Bebe Frances – Stud Ilse

Deluge – Coudelaria Palura Mirim

Emerald Lady – Stud Wall Street

Joka Tango – Stud Lagoa 26

Maestro da Serra – Stud Cajuli

Neshama – Ulisses Lignon Carneiro

Pedra Petra Sarge – Stud Elle et Moi

Isola Di Fiore – Haras do Morro

Gata do Vizinho – Sinval Domingues de Araujo

George Valentin – Sinval Domingues de Araujo

Veramente Buono – Haras Old Friends

Evoque – Sinval Domingues de Araujo

Back And Forth – Stud Lagoa 26

Nikki Beach – Stud Wall Street

Imortallity Point – Stud Snob

Magic Citizen – Coudelaria Jessica

Kurdish – Stud Capitão

Justo Mano – Haras Di Cellius

Leodegrance – Sinval Domingues de Araujo

Real Woman – Stud Gold Black

Patureba – Sinval Domingues de Araujo

Japanese Morning – Stud Capitão

Hacienda Florida – Stud Palurape

Kremlin – Stud Hulk

Guaruman – Haras Planicie

Knowing – Stud Capitão

Angus – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Coldplay ? Stud Hulk

Carrocel Encantado – Sinval Domingues de Araujo

Magic Citizen – Coudelaria Jessica









Preciosidades: Arturo A, um bicampeão inesquecível
11/05/2010 - 10h25min

www.turfebrasil.not.br

O craque Arturo A com Irineo Leguisamo
Arturo A (Argur e Santa Rosa, por Selim Hassam), criação do Haras Las Ortigas e propriedade do Stud Miss Lionés, que vemos na foto após uma de suas vitórias brasileiras, tendo no dorso o genial Irineo Leguisamo, foi certamente dos maiores corredores argentinos de todos os tempos. A notar, sempre preparado por Juan de La Cruz, o treinador de craques (Yatasto, Dulce, Escorial etc...).

Bicampeão em seu país de origem da milha e meia do GP 25 de Mayo (quando era verdadeiramente internacional ainda), além dos 3 mil metros do GP Carlos Pellegrini (prova em que foi também terceiro, aos três anos, atrás dos craques Atlas e Farwell quando aquele bateu o record da distância), fez brilhantemente suas as pista de grama carioca e paulista (além da areia de Maroñas, onde fez seus os 3 mil metros do GP Jose Pedro Ramirez).

Na Gávea, correu só uma vez. Em agosto de 61, poucas semanas antes da renúncia do Jânio, venceu em fantástica atropelada o GP Brasil. Em Cidade Jardim, compareceu três vezes e venceu todas!. Logo, o filho de Argur foi invicto em nossas pistas.

Primeiro, o grande corredor foi campeão do GP Derby Sulamericano (que já não era o São Paulo) e, depois, alcançou o precioso bicampeonato da grandíssima carreira (já em 2 mil 400 metros) que os turfistas verão mais uma vez neste domingo.

Achamos que ninguém deixará de colocá-lo como um dos maiores nomes da história deste clássico.

Lembrá-lo aqui em Preciosidades é mais do que uma obrigação.

da Redação


<< Página anterior













12.812

12.844





















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Fazenda Eldorado

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud 13 de Recife

Stud Beto e Fafa

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Mengão 1981

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Sergio Barcellos

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud TNT

Stud Turfe

Stud Wall Street

  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês