Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Melhor Maneira - Stud Verde

Matheus Julio - Stud Best Friends

Costa Azzurra - Stud H & R

Inforcer - Stud Best Friends

Hispaniola Time - Haras Iposeiras

Paris Seis - Haras do Morro

Atafona Beach - Coudelaria Atafona

Jackson Pollock - Stud Verde

I Saw Everything - Stud H & R

Melhor Maneira - Stud Verde

Kim Bessinger - Stud H & R

New Prada - Stud Everest

Northern Bold - Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Nepal - Haras Figueira do Lago

Gone Hollywood - Stud Verde

Mais Que Bonita - Stud Eternamente Rio

Guaruman - Haras Planície

Parigi - Haras Clark Leite

Oitenta Por Hora - Stud Happy Again

Allister - Stud Eternamente Rio

Penélope Charming - Haras do Morro

Menina Veneno - Haras Figueira do Lago

Neusely - Haras Figueira do Lago

Queijadinha - Haras do Morro

Pepsi-Queen - Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Atafona Beach - Coudelaria Atafona

Dracarys - Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Madison - Haras Figueira do Lago

Kasablanca - Stud H & R

Mais Que Bonita - Stud Eternamente Rio







Colunista: Jéssica Dannemann

Foi dada a largada, por Jéssica Dannemann
14/10/2010 - 13h19min

Cadê o “presidente”?

Introdução

Está todo mundo super ansioso esperando o “presidente” (dos imóveis do JCB) provar que as Vilas Hípicas dão prejuízo mensal ao clube na ordem de um milhão e meio de reais, conforme vem sendo divulgado em seus discursos voltados para os incautos.

Desde o assistente de ferrador ao proprietário de haras, todos estão à espera disso. Mas acho que ele vai custar a aparecer junto aos turfistas com essas justificativas. Eu penso que ele deva estar tentando contratar novamente a FGV para avalizar mais essa bravata.

Por falar em Fundação Getúlio Vargas, acho que chegou a hora de alguém cobrar do “presidente” (nem que seja na justiça) o Relatório daquela instituição, que hoje encontra–se escondido por um “acordo” de confidencialidade. Com a “abertura” desse relatório, a cortina (de fumaça) do projeto vai pro espaço, e todos poderão ver que o que fora comparado por aquela instituição, foi exatamente banana com laranja, e assim esse projeto imobiliário vai ser transformado em ovo e tomate... (no terno deles)

Onde já se viu assinar um acordo que implica em esconder os números dos próprios sócios? Em qual clube nesse mundo alguém foi informado de existir um acordo secreto entre o Presidente e o fornecedor? Em que região do mundo (incluindo a China, a Venezuela e o Irã) isso seria possível?

Aliás, essa pratica monocrática mostra mesmo a transparência desse projeto. Se você quer esconder as coisas e dar mais obscuridade a sua intransparência, vai aqui um conselho:

Faça um acordo de confidencialidade, seus problemas estarão totalmente resolvidos.

Enquanto o seu lobo não vem
(não confundir o “seu lobo” com Selmar Lobo)

Enquanto o nosso mais especial e brilhante “corretor” não consegue vir a público provar aquilo que fala, vamos dar ao ilustre devoto de Nosso Senhor do Bonfim, um pouco de número para alimentar a sua fome de incorporações, um pouco mais de vatapá para a sua bandeja.

Na penúltima semana, em quatro reuniões, as combalidas e juradas de morte Vilas Hípicas, a partir de seus intrépidos e decrépitos profissionais mandaram as raias do Hipódromo da Gávea, exatos 151 matungos, contra 149 craques vindos dos centros de treinamento.

Sabem o que aconteceu?

Pois bem esses pangarés fedorentos que impedem o crescimento sustentado da Bahia, venceram 17 corridas (deviam estar dopados) contra 21 dos centros de treinamento.

Nessa última semana, mesmo não tendo uma reunião noturna em função do feriado, ainda assim, os cavalos “malditos” dessas “malditas” cocheiras, contribuíram com 179 inscrições para o grupo de quatro reuniões, contra apenas 164 oriundos da região serrana, conseguindo a proeza de levar 19 proprietários ao Winner Circle contra 26, mesmo desfavorecidos com a reunião diurna da última terça feira com dois grandes prêmios.

Nessas duas últimas semanas, dos 643 cavalos que proporcionaram os programas do JCB, 330 vieram da própria casa... Enquanto 313 desceram a serra, e as Vilas Hípicas, com tudo isso, dão um prejuízo de um milhão e meio de reais na cabeça do “presidente”.

Peço àqueles que ainda insistem em subir ao lado dele nesse “palanque” de desinformações e irresponsabilidades, que reflitam sobre esses números, eles são conclusivos e depõe contra o discurso daquele que quer lotear o turfe e transformá–lo num palco de covardia.

Estamos fazendo uma estatística completa desde o fatídico Maio de 2008, para que o “presidente” passe a entender exatamente a quanto monta a prestação vigorosa desses prédios que ele hoje ajuda (com toda a sua força) a destruir em troca de escritórios comerciais.

Ele vai ficar estarrecido com o resultado...

Vou publicá–lo em página dupla na Revista Veja para que todos tenham a exata dimensão do tamanho do nariz do Pinóquio.

O acordo de confidencialidade

Para encerrar eu vou tocar mais uma vez nessa palavra importante utilizada com bastante propriedade pelo “presidente” do JCB para guardar, bem guardado, os segredos do clube, visando, é claro, o bem estar dos negócios.

Afinal o segredo é a alma do negócio, e a alma desse negócio chamado Boulevard, certamente repousa apenas, e tão somente, no seu segredo.

Imagina um sócio do JCB, e portanto dono do clube, cobrar do “presidente” a radiografia do projeto, seria um diálogo mais ou menos assim:

– Presidente, eu gostaria de ver os números antes de votar na assembléia...

– Não pode! O projeto corre em “segredo de justiça”... Não posso fazer nada, é a regra!, É a Lei! É que a Odebrecht exigiu que eu assinasse um acordo de confidencialidade, e você sabe... Eu sou uma pessoa que não descumpro os meus compromissos! Confidencialidade é confidencialidade!!! Se eu quebro essa regra e abro os números, o que as empreiteiras vão pensar de mim?

– Mas Presidente então o senhor está querendo que os sócios assinem um cheque em branco para os empreiteiros?

– Não!!! Em branco não!!! Eu jamais exigiria uma coisa dessas do Quadro Social... Eu quero que vocês preencham direitinho o cheque com a quantia de Cinco Bilhões de Reais!!!

Vou soletrar:

Cinco ponto zero zero zero ponto zero zero zero ponto zero zero zero virgula zero zero.

Alguma dúvida?



Próxima coluna >>



[ Escolher outro colunista ]










12.992

12.844



















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras Figueira do Lago

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Cezzane

Stud Embalagem

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud H & R

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street
  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês